Multiculturalismo e formação docente em espanhol: o currículo como resistência

Mirian Ferreira Grees

Resumo


A partir das grades curriculares e ementas do curso de licenciatura em Letras/Espanhol de quatro universidades públicas do Estado do Rio de Janeiro (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade Federal Fluminense e Universidade do Estado do Rio de Janeiro), o presente trabalho busca contribuir para o currículo multicultural crítico na formação docente, observando os sentidos produzidos através do currículo e refletindo sobre as construções discursivas e a falta de representação cultural no currículo oficial. Após o recolhimento do corpus, comparamos e analisamos os diferentes tipos de multiculturalismo encontrados. Em nossa pesquisa documental, percebemos que mesmo o tema tendo crescido nos últimos anos, o currículo ainda privilegia o ensino de determinadas culturas e a diversidade cultural existente continua sendo apagada.


Palavras-chave


currículo; discurso; multiculturalismo; formação docente.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/matraga.2019.36422

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/matraga


Palimpsesto é uma publicação do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre DRJI MIAR BASE Logo University of Texas Libraries   UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB Google Acadêmico DOAJ Journal Tocs DOAJ


Licença Creative Commons

A Matraga utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.