‘HERSTORY’: METAFICÇÃO HISTORIOGRÁFICA E FEMINISMOS

Cristina Stevens

Resumo


A partir das contribuições dos estudos feministas e de gênero e da metaficção historiográfica, o presente texto analisa romances produzidos por escritoras contemporâneas inglesas e estadunidenses. Em fecunda produção na contemporaneidade, essas escritoras desenvolvem uma criativa dialética que nos alerta para a historicidade do texto e textualidade da história. Através de uma voz autoral feminina que cria uma personagem capaz de contar sua própria história, os romances (re)constroem a biografia e dão visibilidade à contribuição das mulheres, que foram silenciadas e/ou representadas de forma distorcida no processo de construção da historiografia tradicional. Ênfase no romance The Passion of Artemisia, de Susan Vreeland.


Palavras-chave


feminismos; metaficção historiográfica; literatura estadunidense.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/matraga


Palimpsesto é uma publicação do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre DRJI MIAR BASE Logo University of Texas Libraries   UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB Google Acadêmico DOAJ Journal Tocs DOAJ


Licença Creative Commons

A Matraga utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.