Chamada para o Dossiê 'Corpos, performances e autenticidade na cultura digital e visual'

Chamada Dossiê Revista Logos: Corpos, performances e autenticidade na cultura digital e visual

O dossiê tem como objetivo promover uma discussão sobre modos de construção de subjetividades em ambientes midiatizados contemporâneos, a partir dos campos da cultura digital e visual. Nesse sentido, buscamos contribuições que se atentem para as dimensões performáticas da apresentação de si dos sujeitos, a noção de arte-vida e sua relação com autobiografias, bem como possíveis rupturas e reparações em tais dinâmicas. O dossiê empreende esforços para a importância dos entrelaçamentos entre corpos, racialidades, gêneros, sexualidades e tensionamentos em relação a valores de autenticidade na performatização de si. Almejamos aportes analíticos que dialoguem com a proposta do número e suas elaborações teóricas e metodológicas para o campo da Comunicação e dos estudos visuais.

O dossiê parte do encontro de três grupos de pesquisas, MiDICom – Mídias Digitais, Identidade e Comunicação (PPCGOM UFF), LIDD – Laboratório de Identidades Digitais e Diversidade (ECO/UFRJ) e “Formas de Habitar o Presente: Políticas de Localização de Corpos e Saberes nas Artes e nas Imagens” (EBA/UFRJ), contemplados pelo edital Edital Faperj Nº 14/2019 – Apoio a Grupos Emergentes de Pesquisa no Estado do Rio De Janeiro. Constituímos, assim, a rede “Gênero, raça e identidade: representações femininas na música, artes visuais e bancos de imagens”.

Convidamo-las e encorajamos visões analíticas, reflexões teóricas e propostas metodológicas transdisciplinares a partir dos eixos abaixo elencados, mas não somente:


  • Tecnologias contemporâneas e reconfigurações de valores de autenticidade;

  • Análises de objetos na cultura digital e nas artes visuais a partir de noções de performance e performatividade;

  • Plataformas de redes sociais como espaços performativos;

  • Autenticidade, gênero, sexualidade e raça em plataformas digitais;

  • Corpos, performances e problematizações do eu no espaço artístico e comunicacional;

  • Música, performances e autenticidade na cultura digital;

  • Fundamentos, história, desdobramentos e caminhos possíveis na Comunicação e cultura visual para a aplicação das perspectivas em gênero, raça e sexualidades;

  • O entrelugar, a intimidade e a experiência como ferramentas teóricas e metodológicas na Comunicação e na Cultura Visual;

  • Imaginações de futuro, escavações, arqueologias (auto)biográficas nas pesquisas em Comunicação e Cultura Visual.


Cronograma:


Submissão de artigos: 18 de maio a 18 de junho

Lançamento do dossiê previsto para agosto/setembro de 2021


Editores convidades:

Profa. Dra. Beatriz Polivanov (UFF)

Profa. Dra. Fernanda Carrera (UFRJ e UFF)

Prof. Dr. Vinicios Ribeiro (UFRJ)