Negociando com os homens e entregando a Deus: notas sobre as mulheres pescadoras de Quissamã/RJ

Luceni Hellebrandt

Resumo


Este texto aborda aspectos do cotidiano de mulheres pescadoras de Quissamã, no norte fluminense, a partir de entrevistas com 10 mulheres envolvidas com a atividade pesqueira artesanal do município. As entrevistas foram realizadas no âmbito do projeto “Mulheres na pesca: mapa de conflitos socioambientais em municípios do Norte Fluminense e das Baixadas Litorâneas” e apontam elementos que caracterizam a atividade de pequena escala desse município pela ótica das mulheres que dela participam. Negociações com fazendeiros para o acesso aos ambientes de pesca e enfrentamentos de violências simbólicas provocadas por pescadores homens se cruzam com a fé em Deus para sobreviver aos ventos fortes e à insegurança alimentar. As notas aqui apresentadas refletem também sobre os impactos no território pesqueiro advindos de diferentes interesses econômicos de exploração da região e a consequente escassez de pescado.


Palavras-chave


Gênero e pesca; Mulheres na atividade pesqueira artesanal; Pesca artesanal de Quissamã

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/irei.2021.62482

Direitos autorais 2021 Luceni Hellebrandt

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.