Ressignificando os Direitos da Criança

Mirela Marquezan, Lorena Inês Peterini Marquezan

Resumo


O artigo ora apresentado menciona a experiência oriunda de um Projeto de Extensão realizado com crianças de Anos Iniciais e Educação Infantil, portadoras de câncer. O trabalho desenvolvido primou pelo acesso à educação para crianças afastadas, temporariamente, do convívio escolar e familiar em face da doença. Por meio de atividades lúdicas, tivemos o escopo de re-significar seus direitos e deveres, bem como contribuir para a formação de seres humanos conscientes, felizes e lutadores, pois acreditamos que as relações estabelecidas entre a sociedade e as crianças influenciam decisivamente na forma como as mesmas tornam mais complexo o seu pensamento.

A experiência proporcionou a indissociabilidade entre Ensino, Pesquisa e Extensão, conforme a Constituição Federal de 1988 e a Proposta Político-Pedagógica da UFSM, assim como um processo de construção compartilhada entre ambas as instituições, Universidade Federal de Santa Maria e Centro de Apoio à Criança com Câncer (CACC) - Santa Maria, Rio Grande do Sul.


Palavras-chave


Criança, Direitos, Extensão

Texto completo:

PDF


ISSN: 1519-8847 | E-ISSN: 2236-4447
Depext-SR3/UERJ