Desconstruindo e reconstruindo com arte: mais um passo para a humanização hospitalar

Maira Torres Ruiz Martins, Ana Joaquina Antunes Ferreira, Vera Lúcia Hernandes de Oliveira

Resumo


Este trabalho apresenta um relato de experiência vivenciada através das Oficinas de Arte e Reciclagem que fazem parte das Ações Interativas do Projeto de Extensão Brincar é Viver da Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), com os usuários e equipe técnica da enfermaria de pediatria do Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE). Destacamos como objetivos principais a intenção de valorizar e resgatar os vínculos familiares e afetivos; criar um espaço de livre expressão que favoreça o alívio da dor e do estresse do paciente e seu acompanhante, promovendo uma melhor aderência ao tratamento. Os resultados demonstraram que as atividades realizadas possibilitaram uma melhora no estado de humor dos usuários, na sua adaptação e ocupação sadia do tempo ocioso e, consequentemente, facilitando a manutenção das relações familiares, religando os sentimentos e emoções paralisadas pela situação de hospitalização.   


Palavras-chave


arte; humanização

Texto completo:

PDF


ISSN: 1519-8847 | E-ISSN: 2236-4447
Depext-SR3/UERJ