A Rota São Paulo no Projeto Caravana Agroecológica: olhares de uma mestranda em Desenvolvimento Sustentável e Extensão/UFLA “de dentro” de uma disciplina acadêmica

Natércia Ventura Bambirra, Viviane Santos Pereira, Arnaldo Pereira Vieira

Resumo


DOI: 10.12957/interag.2016.15919

Este relato objetiva compartilhar as experiências de uma discente do Mestrado em Desenvolvimento Sustentável e Extensão, da Universidade Federal de Lavras (UFLA), e a formação complementar, por meio da Vivência Agroecológica, possibilitada pela disciplina "Agroecologia: transição ecológica e sustentabilidade". Pretendo demonstrar, sucintamente, o alcance do projeto Comboio Agroecológico do Sudeste para a consolidação das atividades de ensino, pesquisa e extensão na seara da agroecologia, além de relacionar esse projeto com a atividade avaliativa de Vivência Agroecológica trazida pela disciplina já citada. Por fim, almejo socializar a minha experiência pessoal em relação ao Comboio e à disciplina. Os resultados alcançados, podem ser divididos em três vieses, quais sejam, o interdisciplinar, o acadêmico e o de ganhos pessoais. O caráter interdisciplinar que permeia o Mestrado e se estende até a atividade de Vivência realizada fora dos muros da universidade foi extremamente rico, afinal, como afirmava Paulo Freire1, o conhecimento científico não se sobrepõe ao conhecimento popular de forma hierarquizada, tecnicista e superior. A reunião de diferentes conhecimentos e perspectivas foi vital para complementar o processo educativo emancipador. Academicamente, a vivência reforça o mecanismo pedagógico utilizado na disciplina, como estratégia de aproximação dos grupos de agroecologia e da diversidade social. Pessoalmente, os ganhos perpassam o crescimento humano e a ampliação do olhar sobre os processos de desenvolvimento sustentável e os (as) diversos (as) atores/atrizes sociais envolvidos. Por fim, cabe dizer que a Vivência foi importante para guiar processos de aprendizado diversos, pela universidade e sociedade, e a atuação acadêmica vinculada às demandas sociais.


Palavras-chave


Caravana Agroecológica. Vivência. Agroecologia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/interag.2016.15919

ISSN: 1519-8847 | E-ISSN: 2236-4447
Depext-SR3/UERJ