PINBA: a Construção de um Programa para a Baixada Fluminense

Icléa Lages Melo

Resumo


DOI: 10.12957/interag.2016.15904

Trata do relato de uma experiência do Programa Integrado de Pesquisa e Cooperação Técnica na Baixada Fluminense (PINBA). Este desenvolve atividades extensionistas, apoiadas em estudos e pesquisas sobre políticas, educação e cultura tendo como pano de fundo a estrutura sócio-política e cultural da região da Baixada Fluminense, como também a pesquisa e preservação da sua memória e história. Este programa integra diferentes projetos de extensão, pesquisa e estágio interno complementar, focados na Baixada Fluminense, articulando o ensino, a pesquisa e a extensão. A Faculdade de Educação da Baixada Fluminense (FEBF/UERJ) por estar localizada nessa região, vem mantendo permanente diálogo com a sociedade, buscando estimular a criação cultural, promover e divulgar não apenas a Instituição, mas, sobretudo os conhecimentos que nela são produzidos sobre a Baixada. Eventos como o “FEBF na Praça”, “Baixada na FEBF”, comemoração do “Dia da Baixada” e visitas guiadas a espaços históricos em parceria com entidades que pesquisam e divulgam a região, representam e configuram um eixo metodológico que é o de articular o local e o global. Para integrar o banco de dados sobre a região foi produzido em 2014 o primeiro volume de um CD (ISSN 2358-1328). O volume dois já se encontra em processo de elaboração e será concluído após a realização do próximo evento em maio de 2015 com novas produções, indo ao encontro de uma das finalidades da educação superior que é a divulgação de conhecimentos que constituem patrimônio e comunicar o saber do ensino de publicações ou outras formas de comunicação.


Palavras-chave


Baixada Fluminense; história; política educacional; ação extensionista.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/interag.2016.15904

ISSN: 1519-8847 | E-ISSN: 2236-4447
Depext-SR3/UERJ