AS REIVINDICAÇÕES DOS TRABALHADORES RURAIS ASSALARIADOS DA LAVOURA CANAVIEIRA: A GREVE DE GUARIBA DE 1984 E A LUTA POR TERRA NO INTERIOR DO ESTADO DE SÃO PAULO

Fernando Veronezzi

Resumo


DOI: 10.12957/geouerj.2015.8252

 

A década de 1980 foi marcada por uma série de reivindicações públicas de trabalhadores rurais assalariados da lavoura canavieira no interior paulista. Esse artigo aborda elementos que permitem entender os motivos que levaram à eclosão da Greve de Guariba de 1984 e, a partir da conscientização/mobilização emanada nessa manifestação, muitos líderes surgiram no bojo das lutas, a fim de suscitar a reflexão aos trabalhadores sobre as condições exploratórias a que eram submetidos nos canaviais. Além da obtenção de direitos trabalhistas, a luta por Reforma Agrária na região foi um dos importantes fatores a se considerar nesse contexto. Sendo assim, decorrente desse processo, a conquista do Assentamento rural de Córrego Rico, situado em Jaboticabal-SP, município vizinho à Guariba, terá uma discussão recorrente nesse artigo.

Palavras-chave


Trabalhadores rurais. Greve de Guariba de 1984. Interior de São Paulo. Assentamento Rural. Jaboticabal.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/geouerj.2015.8252



Direitos autorais



ISSN: 1415-7543 | E-ISSN: 1981-9021 | JournalDOI: https://doi.org/10.12957/geouerj

Licença Creative Commons