RELAÇÃO CIDADE-CAMPO: atividades e costumes rurais sob a rede de alta tensão em Campina Grande-PB

Sonale Vasconcelos de Souza

Resumo


DOI: http://dx.doi.org/10.12957/geouerj.2013.6817

 

Este artigo teve como objetivo evidenciar a existência de atividades rurais dentro do perímetro urbano de Campina Grande e mostrar a importância dessas atividades no cotidiano de quem às pratica. Desse modo, o intuito aqui foi compreender como as atividades rurais são mantidas ou recriadas em áreas não edificadas na cidade. Para a análise selecionamos como recorte espacial a área sob a rede de alta tensão e dentre as atividades rurais existentes escolhemos as criações de gado, por serem predominantes. Além disso, priorizamos como procedimentos metodológicos: os trabalhos de campo, as observações e as entrevistas. Por fim, verificou-se que as práticas rurais na cidade consistem em “táticas” encontradas pelas pessoas, geralmente migrantes, para viverem na cidade, a qual é concebida a priori para a realização de atividades secundárias e terciárias. Além disso, a permanência das atividades e dos costumes rurais na cidade se dá não apenas devido a uma necessidade econômica, mas, sobretudo, em função do desejo e do prazer de viver de maneira semelhante ao modo de vida rural.

 

Abstract: This article aimed at evidencing the existence of rural activities inside the urban perimeter of Campina Grande and showing the importance of these activities in the daily life of those who practice them. Thus, it had the purpose of understanding how the rural activities are maintained and recreated in non-inhabited areas in the city. For the analysis we selected as a space the area under a high voltage network and among the existing rural activities we chose the cattle breeding, as they are predominant. Besides, we prioritized as methodological procedures: the field work, the observations and the interviews. Lastly, it was verified that the rural practices in the city consisted of “tactics” found by the people, usually migrants, in order to live in the city, something which is conceived a priori for the performance of secondary and tertiary activities. Furthermore, the permanence of the activities and the rural customs in the city occurs not only due to an economic need, but, above all, in function of the desire and the pleasure of living in a way similar to that of the rural life.


Palavras-chave


cidade, modo de vida rural, subespaços rurais, criação de gado, apropriação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/geouerj.2013.6817



Direitos autorais



ISSN: 1415-7543 | E-ISSN: 1981-9021 | JournalDOI: https://doi.org/10.12957/geouerj

Licença Creative Commons