A CARACTERIZAÇÃO AMBIENTAL DA AMPLA ÁREA DE ESTUDO DO MORRO GAÚCHO, EM ARROIO DO MEIO E CAPITÃO/RS, VISANDO À CRIAÇÃO DE UMA UNIDADE DE CONSERVAÇÃO

Bruna Letícia Thomas

Resumo


DOI: http://dx.doi.org/10.12957/geouerj.2014.6358

 

Nos anos de 2002 e 2010 tentou-se a criação de uma Unidade de Conservação (UC) no Morro Gaúcho, localizado entre os municípios de Arroio do Meio e Capitão (RS). Porém, um dos empecilhos para que as propostas não tivessem sucesso foi a falta de informações ambientais básicas acerca da área em estudo, fato que dificultou o entendimento da proposta da UC e deixava dúvidas sobre a categoria e os limites ideais da área a ser protegida. Sendo assim, esta pesquisa visou realizar uma caracterização ambiental da ampla área de estudo do Morro Gaúcho como forma de auxiliar e fortalecer o processo de criação da UC. Na caracterização, foram avaliados atributos físicos (altimetria, declividade e recursos hídricos), biológicos (áreas de preservação permanente - APPs) e antrópicos (uso e ocupação do solo e situação legal das APPs) da paisagem. Assim, além de fornecer estas informações ambientais, também se espera que a UC seja planejada ambientalmente, de forma que os atributos ambientais realmente sejam protegidos com a criação deste espaço.

 


Palavras-chave


Morro Gaúcho; Unidade de Conservação; Caracterização Ambiental; Arroio do Meio; Capitão.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/geouerj.2014.6358



Direitos autorais



ISSN: 1415-7543 | E-ISSN: 1981-9021 | JournalDOI: https://doi.org/10.12957/geouerj

Licença Creative Commons