AS EXTENSÕES GEOGRÁFICO-CULTURAIS DA DIÁSPORA E AS NOVAS COMUNIDADES JUDAICAS

Carlos Alberto Póvoa, Mauro Cristiano de Paula Silva

Resumo


Em contraposição à intencionalidade de retratar a vida judaica europeia, o principal objetivo desta pesquisa sobre a Geografia e a história judaica é ajudar a compreender as diversas diásporas fora do lugar europeu e de suas nomenclaturas, assim como entender os novos ambientes aonde se encontram outras comunidades judaicas “esquecidas” e “desconhecidas” pelas comunidades tradicionais ocidentais. Ao longo dos séculos distintas comunidades judaicas se desenvolveram de forma singular e desigual. Porém, descobriu-se que a diáspora judaica é bem maior do que se imaginou e estudou. Mesmo tendo passado por crises na história mundial, o povo judeu vem mantendo seus costumes e tradições e criaram percepções diferenciadas sobre as suas heranças judaicas e de seu judaísmo, adaptando-se às novas realidades, bem como nos diversos tipos de espaços, território e lugares nos quais ainda vivem em sua complexidade.


Palavras-chave


Judaísmo; comunidades Judaicas; Imigração; Geografia Cultural

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/espacoecultura.2017.45370

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Periódico Espaço e Cultura
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco B, sala 4.007, 4° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0343

E-mail: espacoecultura@gmail.com