NOTAS SOBRE A RELAÇÃO ENTRE VARIÁVEIS SOCIAIS E ORGANIZAÇÃO ESPACIAL: UMA EXPERIÊNCIA DE PESQUISA NA CIDADE DE IMPERATRIZ-MA

Jesus Marmanillo Pereira

Resumo


O presente artigo traz reflexões e observações a respeito da utilização de diferentes tipos de fontes visuais para pensar algumas possibilidades de interpretação sobre grupos urbanos e setores da cidade de Imperatriz-MA. Por meio de uma narrativa orientada por teorias que privilegiam a relação entre variáveis espaciais e sociais, utilizou-se um conjunto de fotografias, de diálogos com moradores e de observações diretas para interpretar aproximações, distanciamentos e concentrações que constituem a dinâmica urbana dessa cidade, a segunda maior do estado do Maranhão. A cidade foi pensada de acordo com três situações, escalas e níveis, e verificou-se a necessidade de refletir sobre a geometrização do olhar para os mais diferentes tipos de fontes e situações postas no fazer etnográfico.


Palavras-chave


Geometrização; Escalas; Imagens; Grupos urbanos

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/espacoecultura.2016.41903

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Periódico Espaço e Cultura
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco B, sala 4.007, 4° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0343

E-mail: espacoecultura@gmail.com