POR QUE TEORIA NA HISTÓRIA DA CARTOGRAFIA?

Catherine Delano Smith

Resumo


Ao focalizar na “história” da história da cartografia, chama-se atenção para a necessidade de distinção entre duas fontes de teoria: a teoria crítica, em função da maneira como mapas são interpretados como documentos históricos; e uma variedade de corpos teóricos (tais quais os das ciências sociais, humanidades e ciências) para a informação derivada dos mapas. O argumento aborda a relação entre história, por definição uma disciplina baseada em textos (em sentido amplo), e a teoria crítica, ambas preocupadas com o problema da autoria, a importância do contexto e do gênero em um nível empírico, e os diferentes níveis de relevância da teoria para a história da cartografia.


Palavras-chave


história da cartografia; retórica; teoria literária

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/espacoecultura.2016.31763

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Periódico Espaço e Cultura
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco B, sala 4.007, 4° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0343

E-mail: espacoecultura@gmail.com