EFEITO DO CONSUMO DA RAÇÃO HUMANA SOBRE O PERFIL LIPÍDICO E GLICEMIA DE RATOS

Janine Louise Borré, Vilma Blondet Azeredo, Paola Núbile Galvão, Solange Augusta de Sá, Antonio Orestes de Salvo Castro

Resumo


<doi>10.12957/cadest.2012.15774

A Ração Humana é considerada um complemento alimentar e uma das novas tendências de dietas da moda. Este estudo avaliou os efeitos da "Ração Humana" sobre o perfil lipídico e glicemia de ratos. Foram utilizados 32 Rattus Wistar, com 45 dias de vida. Os resultados são apresentados como média aritmética e desvio padrão. Para comparação de médias foi utilizado ANOVA one-way, com Tukey como pós-teste. Foi aceito nível de significância de 5%. A glicemia manteve-se semelhante entre os grupos estudados (C: 87,9±10,4; C+RH: 90,8±7,2; H: 86,0±7,4; H+RH: 98,5±11,9). Não foi observada alteração no perfil lipídico ao longo do estudo, entre os grupos (colesterol C: 63,9 ± 13,9; C+RH: 40,4 ± 9,3; H: 55,4 ± 11,2; H+RH: 57,1 ± 7,1) (Triglicerídeos: C: 89,0 ± 32,4; C+RH: 84,6 ± 20,5; H: 57,3 ± 11,5; H+RH: 48,0 ± 5,8). Conclui-se que o consumo da ração humana não é capaz de promover diminuição na glicemia e na concentração de colesterol e triglicerídeo séricos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/cadest.2012.15774

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN on-line: 2317-4536 / ISSN impresso: 1413-9022

DOI do periódico: dx.doi.org/10.12957/cadest


Licença Creative Commons Este revista está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.