Husserl e a Descoberta da Terra: Prolegômenos para uma Arqueologia do Sentido

Gabriel Lago de Sousa Barroso

Resumo


No presente artigo, examino a função transcendental do conceito de Terra para a constituição da espacialidade e da temporalidade na fenomenologia tardia de Edmund Husserl. Primeiramente, analiso o problema da bifurcação da experiência entre a apercepção das ciências naturais e a experiência do mundo da vida, mostrando como a epoché das ciências naturais resolve este paradoxo ao impor uma limitação à pretensão de hegemonia do naturalismo sobre a verdade e o conhecimento. A seguir, argumento que a limitação do naturalismo permite uma diferenciação eidética dos fenômenos, estabelecendo a possibilidade de uma análise da espacialidade segundo a relação genética entre corpo (Körper), corpo vivo (Leib) e Terra (Erde). Neste caso, a Terra não é simplesmente um objeto da experiência, mas um elemento pré-subjetivo das condições de possibilidade da experiência. Por fim, mostro as consequências da função transcendental da Terra para a análise da temporalidade e da historicidade. Por um lado, a fenomenologia tardia de Husserl se caracteriza por uma territorialização do sentido, na qual o campo da experiência é enraizado na intersubjetividade de uma pluralidade de territórios organizados em um mesmo espaço terrestre. Território e Terra são horizontes da experiência possível que se encontram em uma relação de coinclusão e entrelaçamento, indicando uma superação da divisão clássica entre natureza e cultura. Por outro, esta territorialização do sentido tem uma consequência importante para a filosofia fenomenológica, uma vez que permite formular o programa de uma arqueologia do sentido.

Palavras-chave


Fenomenologia; Transcendental; Natureza; Terra; Território; Husserl; Merleau-Ponty

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/ek.2022.63916

 

ISSN - 2316-4786 (on-line)

Programa de Pós-Graduação em Filosofia | Instituto de Filosofia e Ciências Humanas | Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Rua São Francisco Xavier, 524, Pavilhão - João Lyra Filho, 9 andar, Bloco F, sala 9037, Maracanã, Rio de Janeiro, RJ - Cep: 20550-013