ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL E FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO IFCE: UM ELO POSSÍVEL?

Francisca Rejane Bezerra Andrade, Ludimila Façanha Lopes

Resumo


Neste artigo, objetivamos refletir sobre a possível relação entre a assistência estudantil e a formação de professores no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará, considerando uma dimensão educativa articulada entre esses dois elementos. Para tanto, realizamos uma discussão teórica, utilizando a pesquisa bibliográfica e documental. Após as reflexões, concluímos que a assistência estudantil possui uma dimensão educativa que pode e deve ser explorada de modo a contribuir para a formação de professores que se processa no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), mas que ainda são muito incipientes as discussões em torno dessa temática.

DOI: https://doi.org/10.12957/teias.2017.29383


Palavras-chave


Educação; Assistência Estudantil; Formação de Professores

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - B1 - Educação
DOI: 10.12957/teias

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional