EDUCAÇÃO DE ADULTOS (EJA): Capital Cultural e Percepções sobre a escola na Amazônia Amapaense

Adalberto Carvalho Ribeiro, Sirliane da Costa Viana, Aldenise da Silva Rodrigues

Resumo


RESUMO

O objetivo é analisar o contexto da Educação de Jovens e Adultos (EJA) sob o olhar do aluno, a partir de suas percepções de escola e das dificuldades de aprendizagem analisando suas vivências e trajetórias de vida.  Diálogos com os autores Oliveira; Lima e Pinto (2012), Carvalho (2015) e Carbone (2013), entre outros. Categorias conceituais como percepção, capital cultural e camadas populares foram centrais. A abordagem foi quali-quantitativa com análise de conteúdo e estatística. 70 alunos da EJA de uma escola pública foram os investigados. Dados apontam para alunos que veem na escola o melhor caminho para ascensão profissional; trajetórias escolares e dificuldades financeiras contribuíram a entrada nessa modalidade de ensino. Acreditam que vão cursar o ensino superior.

Palavras-chave: Capital Cultural. Educação de Jovens e Adultos. Percepção.


Palavras-chave


Capital Cultural. Educação de Jovens e Adultos. Percepção.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1518-5370 [impresso] • 1982-0305 [eletrônico]
Teias, uma publicação eletrônica do Programa de Pós-Graduação em Educação – ProPEd/UERJ
Qualis/Capes - B1 - Educação
DOI: 10.12957/teias

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional