Liberdade, alienação e criação literária: reflexões sobre o homem contemporâneo a partir do existencialismo Sartriano

Amana Rocha Mattos, Ariane Patrícia Ewald, Fernando Gastal de Castro

Resumo


O presente artigo reúne reflexões a respeito de três diferentes temas da contemporaneidade, tendo como referencial comum o pensamento do filósofo francês Jean-Paul Sartre. O artigo inicia com a discussão sobre os sentidos de liberdade que são compartilhados em nossa sociedade atual; em seguida, discute as relações de trabalho na contemporaneidade que isolam o homem no produtivismo serial; e por fim, elabora uma reflexão sobre o status do imaginário e sua relação com o mundo da vida, a literatura e a ciência. A discussão dessas temáticas é feita tendo como pano de fundo os aspectos sócio-históricos e filosóficos do surgimento e consolidação da modernidade, pensados sob o ponto de vista da ideia de liberdade sartriana.

Palavras-chave


Liberdade; Alienação; Imaginário; Existencialismo; Jean-Paul Sartre

Texto completo: HTML PDF

Licença Creative Commons
Este número de Revista Estudos e Pesquisas em Psicologia é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.


Universidade do Estado do Rio de Janeiro
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia

Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com