Processo Decisório e Política Externa nos Pequenos Estados da Periferia: Cabo Verde e Guiné-Bissau | Decision-Making Process and Foreign Policy in Small Peripheral States: Cape Verde and Guinea-Bissau

Timóteo Saba M'bunde

Resumo


O texto questiona as perspectivas mais conservadoras do campo de Análise de Política Externa (APE), as quais se subsidiam de pressupostos teóricos do realismo para refutar a validade do uso de APE e processo decisório, como ferramentas cabíveis a estudar a política externa dos Estados da periferia do sistema internacional. O texto busca identificar o processo decisório de política externa em Cabo Verde e Guiné-Bissau e apresentar pistas pelas quais é possível lançar mão de APE para estudar a política externa desses dois países luso-africanos. O trabalho também apresenta alguns aspectos dos modelos políticos e constitucionais de Cabo Verde e Guiné-Bissau e a influência que os respectivos contextos políticos exercem sobre a formulação de política externa, caracterizando o tipo de processo decisório que tende a se predominar em cada um dos dois contextos.

ABSTRACT

The paper question the most conservatives outlook of Foreign Policy Analysis (FPA) field, that subsidize from theoretical realism assumptions to refute the validity of the use of FPA and decision-making process as appropriate tools to study the foreign policy of international system peripheral states. The paper seeks to identify the decision-making process of foreign policy in Cape Verde and Guinea-Bissau and provides clues by which it’s possible to make use of FPA to study and understand the foreign policy of both luso-africans countries. The work also presents some aspects of Guinea-Bissau and Cape Verde political and constitutional models and the influence that the respective political contexts have on foreign policy formulation, characterizing the kind of decision-making that tends to predominate in each of the two contexts.

Palavras-chave: processo decisório; política externa; Estados da periferia.

Keywords: decision-making; foreign policy; peripheral States.

Recebido em 14 de Agosto de 2017 | Aceito em 29 de Novembro de 2017.

Received on August 14, 2017 | Accepted on November 29, 2017.

DOI: 10.12957/rmi.2016.29990


Palavras-chave


processo decisório; política externa; Estados da periferia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/rmi.2016.29990



Revista Mural Internacional - ISSN 2177-7314

PPGRI - Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais

Rua São Francisco Xavier, 524, Pavilhão - João Lyra Filho, 9ºandar, Bloco F, sala 9037, Maracanã, Rio de Janeiro, RJ - Cep: 20550-013 - Tel. fax: (021) 2334 0678 /// E.mail –ppgri.revista@gmail.com