CARACTERÍSTICAS DOS PROCESSOS PRODUTIVOS DE REFEIÇÕES NA IMPLANTAÇÃO DO NutriSus EM MUNICÍPIOS DO RIO GRANDE DO NORTE

Oliva Maria da Silva Sousa, Cintia Matias Santiago, Fábio Resende de Araújo, Joana Eliza Pontes de Azevedo

Resumo


Trata-se de uma pesquisa descritiva, de levantamento e transversal, que objetiva avaliar as características dos processos produtivos de refeições na implementação do NutriSus em quatro municípios do Rio Grande do Norte. Para a coleta de dados, foram realizadas visitas e entrevistas às creches e ao Responsável Técnico de cada município participante, para observação e abordagem de questionamentos a fim de avaliar como foi a implantação do NutriSus, além de gravações das entrevistas e transcrição dos áudios obtidos. Esses dados possibilitaram o conhecimento sobre as estratégias utilizadas em cada cidade para a implantação do Programa, no intuito de saber se foi necessária a realização de novos planejamentos de cardápios, implantação ou ajustes em algumas preparações e de se verificar como está sendo a aceitabilidade. Para atingir o resultado esperado do Programa,  é imprescindível seguir o esquema de administração recomendado: dois meses de suplementação com intervalo de três ou quatro meses. Nos municípios visitados, foi identificado que a implantação da estratégia se deu apenas como um projeto-piloto, acontecendo em alguns meses do ano de 2014 ou 2015, não completando o ciclo, sem progressão em 2016 e com um número limitado de crianças. Essa descontinuidade deu-se devido ao número insuficiente de sachês enviados aos municípios pelo Ministério da Saúde. Conclui-se que programas nacionalizados que envolvem as três esferas governamentais em seu momento de implementação, como o Nutrisus, precisam de um planejamento consistente, com participação dos atores envolvidos, que englobe os fatores necessários a sua correta execução e abrangência total da população-alvo.

DOI: 10.12957/demetra.2017.25374

 


Palavras-chave


Programas Nacionais de Saúde. Políticas Públicas. Alimentação Escolar.

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

.......................................................

 

FONTES DE INDEXAÇÃO

 

Journals for Free | Free Medical JournalsIBICT SEER | LATINDEX | DOAJROADDRJI | OAJI | OJS | DIADORIM | PERIÓDICA | EBSCO | GALE | PERIÓDICOS CAPESGOOGLE SCHOLAR | REDIB

 

e-ISSN: 2238-913X